Confraria de Nossa Senhora da Luz da Vera Cruz de Aveiro

Description level
Fonds Fonds
Reference code
PT/ADAVR/DIO/CNSLAVR12
Title type
Atribuído
Date range
1599-02-05 Date is uncertain to 1878 Date is uncertain
Dimension and support
4 liv.; 1 mç; 19 doc.
Biography or history
A Confraria de Nossa Senhora da Luz da Vera Cruz de Aveiro funcionava na igreja da Vera Cruz de Aveiro, reformulada em 1562, igreja dependente da Matriz de São Miguel de Aveiro e da respetiva Ordem de Avis, elevada a paroquial em 1572 e demolida em 1940.

Crê-se já existente em 25 de Maio de 1593 por um registo de batismo de um filho de João Rodrigues, alfaiate, morador na Rua do Hospital de Vila Nova de Aveiro, que informa ser este o primeiro mordomo desta Confraria.

Tinha obrigação de ter o altar alumiado com banqueta em todos os dias ou nos sábados e dias santos, missa de esmola aos sábados, missa cantada no dia dos Prazeres de Nossa Senhora (segunda-feira de pascoela), no dia da sua Assumpção (15 de Agosto), no dia da sua Natividade (8 de Setembro), aniversário pelas almas dos irmãos falecidos no sábado imediato ao domingo do ofício pelas almas, quatro ternos de missas pelo Natal e no dia 2 de Fevereiro, missa cantada e procissão em volta do cruzeiro, com oferta de uma vela de cera a cada irmão assistente. Em 1835 por desleixo e falta de meios existia apenas nominalmente sendo extinta em 11 de Fevereiro de 1855 e os seus bens incorporados na Junta de Paróquia da Vera Cruz de Aveiro.

Cuidava de capela no corpo da igreja do lado do evangelho dedicada a Santa Cruz, concluída em 1583, com retábulo inferior em calcário, com painéis inferiores em relevo, representando a Anunciação, à direita o arcanjo São Gabriel segurando lírio na mão esquerda e apontando ao céu com a direita e à esquerda a Virgem de joelhos e superior em madeira entalhada com camarim figurando a Virgem dita da Luz.

A mesa era composta por juiz, escrivão e tesoureiro ou mordomo e mais deputados e celebrava a sua festividade no primeiro domingo de maio, dia da Maternidade de Nossa Senhora com exposição solene, missa cantada e sermão de manhã e de tarde.

Recebeu importantes e avultados legados, sendo documentalmente a referência mais antiga registada em 1643.

Na documentação registam-se diversos indivíduos: José Lucas de Sousa da Silveira, juiz da irmandade, Francisco da Maia da Gama, Francisco António de Resende Júnior, António Pereira da Cunha, José Marques de Azevedo, Josefina Pereira da Cunha, Bernardino Arede do Sobral Tavares, Manuel José Mendes Leite, Inácio Xavier Barbosa de Magalhães, Agostinho José Pinheiro.

Geographic name
Vera Cruz, Aveiro
Custodial history
A documentação relativa à Confraria de Nossa Senhora da Luz de Aveiro, encontra-se incorporada no Arquivo Diocesano de Aveiro desde 1 de Dezembro de 2014, por auto de entrega entre a Paróquia da Vera Cruz de Aveiro e Arquivo Diocesano de Aveiro. A 1 de Dezembro de 2014, efectuou-se depósito no Arquivo Distrital de Aveiro, ao abrigo do protocolo estabelecido entre este e o Arquivo Diocesano de Aveiro para tratamento da documentação no âmbito do projecto de organização, classificação, descrição e difusão, apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian denominado DOMVS. ECCLESIAE. AVEIRENSE., de 15 de Setembro de 2014 a 14 de Setembro de 2015.
Scope and content
Contém documentação que ilustra a gestão financeira e patrimonial da confraria, nomeadamente o livro de Tombo da Confraria, receitas e despesas, escrituras e inventários.
Arrangement
Organização em séries documentais correspondendo à tipologia formal dos actos, ordenadas cronologicamente.
Access restrictions
Retirado à consulta. Para sua preservação este fundo foi digitalizado e o acesso só é concedido por meio deste suporte.
Language of the material
Por (português)
Other finding aid
Arquivo Distrital de Aveiro - [base de dados de descrição arquivística]. [em linha]. Aveiro, 2014. Disponível no Sítio Web e no Portal Português de Arquivos. Em atualização.

Secretaria do Estado da Cultura, Arquivos Nacionais/Torre do Tombo, Inventário do Património Cultural Móvel, inventário coletivo dos registos paroquiais, vol.1 - Centro e sul, [Lisboa], 1993,ISBN 972 - 8107-08-0.
Notes
Oudinot, José Reinaldo Rangel de Quadros, Aveiro - Apontamentos Históricos, Câmara Municipal de Aveiro, 2009, p. 129-131.Gomes, João Augusto Marques, Subsídios para a História de Aveiro, Aveiro, 1899, pg. 108.

Christo, António; Gaspar, João Gonçalves, Calendário histórico de Aveiro, Câmara Municipal de Aveiro, 1987, p.121.